Calendário internacional de pontes populariza a matemática

Calendário internacional de pontes com participação do Brasil e da Alemanha populariza a matemática

A Universidade de Münster (Westfälische Wilhelms-Universität Münster - WWU Münster) e a  FURB (Universidade Regional de Blumenau), através dos Departamentos de Engenharia Florestal e de Física, firmaram parceria com o objetivo de popularizar a matemática.  Trata-se de um projeto internacional que, por meio da elaboração de um calendário com fotos de pontes, traz também exercícios de Fermi.

A Ponte Engenheiro Antônio Vitorino Ávila Filho (Ponte dos Arcos) de Blumenau, é uma das 12 do mundo que integram esse calendário permanente em prol da matemática. A FURB e Blumenau são os únicos representantes brasileiros no projeto. Além do Brasil e da Alemanha, o calendário envolve os seguintes países:  Costa Rica, México, Bolívia, Peru, Japão, Rússia, Noruega, Austrália, Indonésia e Áustria.

Cada ponte ilustra um mês do ano e um problema matemático a ser resolvido. “São questionamentos como: quantas pessoas estão sobre a ponte da Áustria durante uma maratona? Ou, que comprimento tem a ponte dos arcos de Blumenau? A ideia é que a resolução seja intuitiva e que desperte nos alunos e na população, em geral, a importância da matemática no cotidiano”, destaca o professor Rubens Marschalek, do departamento de Engenharia Florestal, em entrevista para a 6ª edição da revista Update da FURB. As resoluções dos problemas estarão na página final do calendário, que será impresso em cada país participante e também distribuído em formato PDF.

O público alvo do calendário são estudantes de nível fundamental e médio. Sua proposta é internacional e multidisciplinar porque envolverá diversas áreas do conhecimento. Ou seja, além de fomentar o estudo da matemática, o usuário precisará de conhecimentos em inglês, pois o material será apenas nesse idioma. As escolas ainda poderão abordar, usando o calendário, aspectos relacionados à geografia e história de cada país, e de cada ponte.

A Universidade de Münster está finalizando a edição do calendário, no formato A3, para ser distribuído para as escolas e também para a sociedade já a partir do início de 2019.

Segundo o professor Marschalek, essa iniciativa chegou ao conhecimento da FURB por meio da estreita relação que possui com a Universidade de Münster desde 2011, quando ele foi selecionado para um treinamento. Depois disso, no mesmo ano, uma comitiva da universidade os visitou em Blumenau e ministrou palestra na Semana Acadêmica de Engenharia Florestal. Em 2016, o professor fui novamente convidado para ministrar uma palestra na Alemanha sobre o Inventário Florístico Florestal de SC (IFFSC). Em meados de 2017 veio então o convite para que a FURB participasse desse projeto.

Além de Marschalek, os professores Elcio Schuhmacher e Robson Zacarelli Denke, ambos do Departamento de Sistemas e Computação da FURB, também participaram do projeto, o qual é mais uma das ações visando a internacionalização da FURB.

A Universidade de Münster e seu Departamento de Inovação e Transferência de Tecnologia (AFO - Arbeitsstelle Forschungstransfer- Innovation Office), liderada pelo Dr. Wilhelm Bauhus, pretende colaborar ainda mais com a FURB, trazendo para Blumenau em maio de 2019 uma exposição relativa ao projeto com pôsteres de cada uma das pontes envolvidas no projeto.  
 

Cooperadores